domingo, 26 de outubro de 2008

Morre bombeiro vítima de incêndio em mina


  • Morre bombeiro vítima de incêndio em mina
    Geral - 24/10/2008 - 11h20min

Criciúma - O bombeiro militar Giovani França, de 44 anos, faleceu, às 8h15min desta sexta-feira (24), na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital São José. Ele era uma das vítimas do incêndio ocorrido, em 8 de outubro, na mina Ouro Negro da Carbonífera Criciúma, no bairro Verdinho, em Forquilhinha. Conforme o diretor técnico do Hospital São José, Agenor Silvestre, o paciente sofreu uma súbita parada cardíaca. “A equipe intensivista tentou reanimar o paciente por cerca de uma hora, mas ele não resistiu e veio a óbito”, explicou o médico. O cabo França apresentou quadro clínico grave desde a sua entrada no hospital.
.
O diretor técnico informa que, na manhã desta sexta-feira (24/10), ele foi submetido à hemodiálise como nos últimos dias e estava estável, porém, o paciente sofria de complicações respiratórias, em decorrência de queimaduras das vias áreas; renais e cerebral. O médico ainda ressalta que, durante o período de internação na UTI, o bombeiro permaneceu em coma profundo e, mesmo com a redução dos medicamentos, não voltava a si.
.
Em função de a morte ter sido provocada por acidente violento, o corpo de Giovani França será encaminhado ao Instituo Médico Legal (IML), órgão responsável por assinar o atestado de óbito nesse caso. Permanecem ainda internados no Hospital São José quatro mineiros: três na UTI e um no quarto clínico. Hoje (24), dois colaboradores da carbonífera recebem alta.
(Taize Pizoni)

Nenhum comentário:

Postar um comentário