sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Manual do policial militar para eleições pode viriar modelo para o país (PMMT)

Manual do policial militar para eleições pode viriar modelo para o país (PMMT)
Várzea Grande, 03/10/2008 - 11:22.
Da Redação de o documento

A confecção do Manual do Policial Militar para o pleito eleitoral 2008 deverá servir como modelo ao restante do país. O trabalho foi tão detalhado que o presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso, Leônidas Duarte, encaminhou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cópia para que seja utilizado em outros Estados. A idéia de elaborar uma cartilha com informações detalhadas sobre a legislação eleitoral demonstra a preocupação com o regime democrático do país. “Queremos garantir uma festa limpa, sem o registro de tumultos, para que cada cidadão possa comemorar esse momento tão importante para o país”.
.
Na cartilha, elaborada pela Assessoria de Planejamento Operacional, Estatística e Gestão, com a revisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), constam respostas para questionamentos como a distância a que os policiais devem se colocar das zonas eleitorais, qual o procedimento a ser adotado durante o flagrante de crimes eleitorais. O Tribunal de Justiça de Mato Grosso também foi parceiro auxiliando na confecção do material distribuído para todos os Comandos Regionais (Cuiabá, Várzea Grande, Sinop, Rondonópolis, Barra do Garças, Cáceres, Tangará da Serra e Juína).
.
O policial também encontra informações sobre como caracterizar a situação de boca de urna, de propaganda irregular, dentre outras situações peculiares ao dia da votação. “Temos municípios muito distantes da capital e diante da preocupação em disseminar as informações para garantia do pleito resolvemos elaborar a cartilha”,explica o comandante geral da PM, coronel Antônio Benedito Campos Filho. Conforme o TRE/MT, existem 499 locais de votação em localidades rurais do Estado.
.
De acordo com o TRE, existem em Mato Grosso, 141 municípios, 60 zonas eleitorais de votação, 1.571 locais de votação, e ainda 6.798 seções eleitorais e 1.993.134 eleitores. O cidadão que também tiver interesse em esclarecer dúvidas sobre a eleição poderá acessar o site da Polícia Militar, o www. pm.mt.gov.br .
.
Nas eleições municipais deste ano, um total de 3.880 policiais militares vão trabalhar para garantir a tranqüilidade do pleito eleitoral em todo Estado. Se necessário, o número ainda poderá ser ampliado com emprego dos policiais que integram o Batalhão de Operações Especiais e os grupos de Força Tática. Para a execução dessa estratégia, em acordo com os policiais, foram suspensas durante o período eleitoral as férias individuas e o gozo de licenças prêmio por tempo de serviço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário